• Rodrigo Saminêz

Fábio Santanna torce por um futuro melhor em “As Flores Vão Chegar”

Com uma mistura de soul e brazilian boogie, chega mais um single do disco "Live Motel"

Foto: Gustavo Schlittler

Em 2016, o músico Fábio Santanna lançou o projeto "Live Motel", se inspirou no disco e eletrônicas do anos 80, unindo synths e guitarras. Depois disso, o projeto se aproximou de timbres mais futuristas, se baseando muito em Daft Punk, Justice, Air e Prince. Após levar o projeto para o palco, Fábio se prepara para lançar “Vibração”, terceiro volume e primeiro em português, e, claro, trazendo referências sobre sua vivência enquanto jovem negro no Rio de Janeiro e com os bailes do subúbio da cidade. A primeira amostra dessa fase do trabalho é "As Flores Vão Chegar", que você pode ouvir no player abaixo:



“O single é puro soul brazuca,  inspirado em artistas como Cassiano, Sandra de Sá, Tim  Maia, Carlos Dafé… Uma justa homenagem a esses artistas que fazem parte da nossa cultura, da musica black dos bailes e radios. E também  fazem parte do meu background musical como artista negro que sou. Tem beat e tem synth, mas na essência é canção é puro soul brazuca”, diz Fábio sobre a faixa, que não só introduz a nova cara do disco e do projeto, mas também reflete sobre temas levantados durante a pandemia, como a falta de ter quem se ama por perto.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Spotify
  • Deezer
  • iTunes

Todos os direitos reservados | Boteco Indie™.